Page images
PDF
EPUB

L V SI A D AS
DO GRANDE

867
LVIS DE CAMOENS. ( 16
PRINCIPE DA POESIA HEROICA:-!
Commentados pelo Licenciado Manoel Correa, Examinador fynodal
do Arcebispado de Lisboa, & Cura da Igreja de S. Sebastião da

Mouraria, natural da cidade de Eluas,
Dedicados ao Doktor D. Rodrigo d' Acunha, Inquisidor Apostolico

do Sancto Officio de Lisboa.
Per Domingos Fernandez seu Liureyrod Q95.16

[ocr errors][merged small][ocr errors]

Com licença do S. Officio, Ordinario, y Paco.

E M LISBOA.
Por Pedro Crasbeeck. Anno 1613

Eftâ taxado este ljuro em 320 reis em papel.

26

[merged small][ocr errors][merged small]

V

conta dos que entendem poesia: & o comento que sobre elle fez o Padre Manuel Correa,ein o qual alem de se declarar o sentido verdadeyro do Poeta, se expoem tambem algus termos poeticos de que vsou o Camoés pera mais elegancia dos verlos, como é Fortuna, Fado,Deofes,& outras semelhantes, o que o commentador explica com muyta doctrina, erudição, & varia lição que teue: sem auer nelle cousa contra nossa lancta Fee,& bons costumes. Pelo que me parece digno de se imprimir. Lixboa em 10. de Feuercyro de 611.

Fr. Antonio de Saldanha.

LICE NC, A S. V Ista a informação, podese imprimir

este liaro intitulado, Cantos de Luis de Camoés,& depois d'impresso torne a este conselho pera conferir,& dar licença pera correr, & sem ella não correrà. Em Lisboa 15.de Abril de 611.

Bertolameu da Fonseca.

P Odefe imprimir vista a licença acima do Sancto officio a 20. de

loão Sarayua.

lose este liuro na mesa do paço. Podese imprimir vista a licéça que cem

do Sancto officio,& do ordinario,depois de impresso, tornara a esta mesa pera se caxar,& semiffo não correra: o qual se intitula Cantos de Luis de Camoés. a 23. de Abril, de 611, Fernão de Magalhaēs.

Frācisco Vaz Pinto. Sebastião Barboja. Luys Machado de Gouuea.

[ocr errors][merged small]

DA CUNHA, DOCTOR EM CANONES, E INQV ISidor do Sancto officio de Lisboa.

D.F.D.F.

Oftrárão sempre os grandes Principes tão bom rostro a qualquer agradecimento, que derão ousadia aos animos mais humildes, aparecerem em sua presença com alguns offerecimentos que fora d'esta fombra, seriáo hauidos por

menos que nada. Ensinado eu d’esta experiencia, tão cerra, & tão digna de seus Auctores: & lembrado das grandes merces, & fauo

res

tes tão pios,com que V.M.foy feruido appadrinhar a restauração de mia nha honra,& vida que eu tinha tão perdidas,& acabadas, que para delelpecar de todo do remedio d'ellas, ne via algúas vezes em o vltimo tera mo: pareceome se hirião em mim accumulando as culpas do ingratidão, com igual passo aos que desse de vida; sem, polo menos, publicar peto mundo esta obrigação, & reconhecimento : ja que para os servir como criado, podia tão pouco. E como este pensamento procedia de tão nobro çaula, não se descuydou minha ventura em me offerecer esta occasião, tão proxima,& tão conforme com este meu intento: nesta imprelsão dos fa molos Lusiadas do nosso grande I uis de Camoés, Principe da l'oclia Heroyca: agora de nouo commentados com muyra erudição & variedade de coulas curionssimas: tão de cantados pelo mundo; que as mais illuftres Prouincias d'elle,não le contentarão com menos, que approprialoa ly, o melhor que a variedade de suas linguas lhe daua faculdade: Artificio grande , que a verdadeyra fama inuentou, para com mais facilidade diuulgar pelo mundo a honra & nome d'este illustre entendi. mento Portuguez, Por achar nelle hum dos mais poderosos fubjeycos, com que ella podia mais longe disacar pelo mundo os extendidos limites de seu Imperio. As obras que nelles se referem,são Heroycas: a lingua. gem Portuguez,o Autor humilde: variedade digna de com algúa cunso. nancia, não desagradar aos ouuidos de V.M. Pois he descendente de são famosos Heroes: produzido das melhores plantas Portuguesas. E exercicado em leuantar os animos mais humildes. Deyxo outras congenić. cias de letras & prudencia, que em V.M. em tão alto grao, concorrem juntas,& em que a mais illustre fama costuma fazer mais deleycoso emprego: pois Deos tem tomado à sua conta esta empreza: quando ellas em tanto augmento,& pureza de sua Fè se exercitão, com o Catholico zelo que em o diuino tribunal do Sancto officio sc cem visto, & experimentado. E entre tanto Nolo Senhor guarde a pelloa de V.M em 12, Feuereyro 16134

[blocks in formation]
« PreviousContinue »